Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Histórias da Alma

A vida é apenas uma passagem, e os momentos vividos, sejam bons ou maus, são necessários para o nosso crescimento, mas se deixarmos que seja o AMOR a guiar sempre as nossas atitudes, pensamentos e vontades, a Alma viverá FELIZ

Histórias da Alma

A vida é apenas uma passagem, e os momentos vividos, sejam bons ou maus, são necessários para o nosso crescimento, mas se deixarmos que seja o AMOR a guiar sempre as nossas atitudes, pensamentos e vontades, a Alma viverá FELIZ

Sab | 12.05.18

TIC - TAC! O relógio não pára para nós....

Maria Grace

  

Tempo

 

 

  

"Você descobre que se leva muito tempo para se tornar a pessoa que quer ser, e que o tempo é curto".

 

William Shakespeare

 

          A saudade tipica portuguesa. O viver abraçado ao passado. O desejo constante que o tempo volte atrás. Os momentos bons, que gostaríamos de reviver. Adorava ter uma máquina do tempo, e acho que seria um excelente investimento. Colocava-a na minha sala de estar, e todos os dias programava-a para o ano de 1998, quando te conheci. Lembras-te? 

    Mas o tempo não volta atrás, fisicamente, e essa impossibilidade gera em mim, uma sensação de frustração, de tristeza, e de fracasso. Se pudesse, ai se pudesse, se me fosse dada essa oportunidade! O que nunca tinha feito, o que nunca tinha dito, apagava momentos que não eram necessários, como as pastas que já não precisamos, no nosso computador. Ai, seu eu conseguisse, por dias, horas, ou até minutos ....  regressar. 

Tempo

 

    

     Todos os dias tento alcançar o tempo que não gastei, mas ao chegar ele desvanece-se diante dos meus olhos. De escadas é muito difícil, muito custoso,e demorado. Nunca conseguirei sentir o mesmo, viver o mesmo. PORQUÊ!!! Eu quero uma Máquina do tempo para me levar daqui em segundos! 

   Porque cometemos erros, porque somos tão imperfeitos? Porque nos são apresentadas as más escolhas, no percurso da nossa vida.  Porque temos sempre vários caminhos, e não apenas um.

O correto. 

Tempo

   

 

 

    Odeio-me por isso, por muitas vezes não ter sabido escolher o que era o correto para mim, por  não ter parado para pensar, antes de falar, por não ter olhado para trás a tempo, para ver o que estava eu a construir ou a descontruir, e ter optado por seguir em frente de olhos vendados.

   

Tempo

 

 

 

 

   Tantos tempos que não voltam, tantas horas criadas durante anos, e mortas em minutos por falta de coragem, por não ter dito à minha rebeldia, à minha imaturidade, à minha estupidez "NÃO". 

 

 

      Mas acredito que não deva ser a única, a ter este desejo.  Não sei o que diga a essas pessoas, pois neu eu própria me consigo aconselhar. É deixar ir, deixar andar, na esperança de melhorar o nosso tempo, aquele que ainda nos resta.